Editorial

"Para ampliar e difundir a informação"

Para ampliar e difundir a informação é necessário uma pesquisa cuidadosa, além de um tom narrativo, que esperamos, poder transmitir compaixão e compreensão -  sem condenar ou louvar de antemão qualquer um que seja. Escrevemos sobre pessoas reais, cujas vidas são influenciadas pelas questões de nossos tempos, e ao utilizar técnicas narrativas da ficção para contar suas histórias, tentamos tornar compreensível a complexidade, e as vezes a hipocrisia da sociedade em que vivemos. Trabalhamos para deixar a imagem da sociedade passar através de nosso texto jornalístico. Não narraremos apenas os grandes acontecimentos, mas também as pequenas histórias. Aquelas que passam despercebidas. Sem transigir com o leitor comum, pois não há vida intelectual sem um mínimo de esforço e disciplina. Asseguramos assim que nos preocupamos com a ampliação da informação, para possibilitar análises e comentários que sejam capazes de suplementar argumentos, perspectivas e contextos para o cidadão desenvolver o senso crítico – pois, a maioria dos comentários nas redes sociais, são ação e reação, sem narrativa alguma. Portanto, entendemos o mundo como uma complexa rede de relações e interações, onde buscamos dar as notícias com a maior imparcialidade possível, sem medo ou favor, independentemente de qualquer partido, seita ou interesse envolvido, como o  sr.Ochs gostaria. Nós não inventamos essas ideias – mas com nosso trabalho queremos fazer uma defesa delas. Queremos assim difundir informações de qualidade, pois se a tivermos os lucros virão.

Rodrigo Kemmerich

   Direção Geral.